Em geral

Razões pelas quais os cães se mordem

Razões pelas quais os cães se mordem

Você se acomodou para uma noite tranquila no sofá com um filme romântico. Aprenda sobre os motivos mais comuns pelos quais os cães se mordem e se mastigam, para que você possa interromper a mordida.

Parasitas

A razão mais comum pela qual um cachorro morde a si mesmo é para se livrar de parasitas incômodos, especialmente pulgas, ácaros e carrapatos. Os cães que mastigam a base da cauda, ​​estômago ou axilas estão quase sempre tentando se livrar de alguma praga invisível. A causa mais comum de irritação por pragas são as pulgas. Alguns cães têm alergias a pulgas tão graves que até mesmo uma picada de pulga pode causar dermatite alérgica a pulgas, que causa coceira intensa na pele, irritação e, às vezes, infecções. O tratamento rápido e agressivo, geralmente incluindo o tratamento contra pulgas, antibióticos e esteróides, geralmente é necessário. A mudança na dieta também pode ser útil.

Embora você possa ver os carrapatos, muitas vezes você pode deixar passar pequenas pulgas e ácaros microscópicos. Use a prevenção regular contra pulgas e carrapatos durante todo o ano, especialmente em climas mais quentes. Se você suspeitar de uma infestação de ácaros, incluindo sarna demodécica ou sarcóptica, visite seu veterinário para uma raspagem de pele e uma visão ao microscópio. O custo da visita ao veterinário e do tratamento adequado salvará seu cão de infecções mais graves e desconforto.

Alergias Sazonais

imagem de pólen por asb de Fotolia.com

Os cães com alergias sazonais quase sempre apresentam sintomas de irritação da pele e coceira. Alergias sazonais comuns, como grama e pólen, podem afetar os cães tanto quanto as pessoas. Depois de caminhar ao ar livre, um cão pode mastigar os pés ou a barriga onde os alérgenos tocaram. Freqüentemente, um banho com uma base calmante de aveia elimina a maioria dos alérgenos e acalma a pele irritada. Cães com alergias moderadas podem precisar de anti-histamínicos de venda livre ou prescritos. As alergias graves podem até exigir esteróides para um tratamento eficaz. Verifique com seu veterinário as dosagens de anti-histamínicos ou medicamentos esteróides.

Alergias a comida

imagem das espigas de milho por Maria Brzostowska de Fotolia.com

Alguns cães podem desenvolver alergias alimentares e os sintomas costumam se manifestar na pele. Os cães com alergia alimentar frequentemente mastigam os pés ou a base da cauda constantemente. Se o seu cão mastiga os pés ou o rabo, considere fazer uma troca de comida. Os alérgenos alimentares mais comuns para cães são milho, trigo, soja, frango e carne bovina. Experimente um ingrediente limitado, um alimento sem grãos com uma proteína única, como pato ou veado. Você pode até querer considerar uma dieta de alimentos crus, também conhecida como dieta biologicamente apropriada. Não se esqueça de eliminar também as guloseimas com os mesmos alérgenos comuns. Você precisará manter seu cão na nova dieta por pelo menos quatro a seis semanas antes de determinar se a mordida é resultado de uma alergia alimentar.

Ferimentos

Imagem Thorn por K. Geijer de Fotolia.com

Uma lesão, como um pequeno corte, pode fazer com que um cão morda no local da lesão. Se uma farpa ou outro item estiver cravado em uma pata, seu cão pode estar mordendo para tentar remover o que está preso. Se uma lesão não for tratada, pode infeccionar, causando ainda mais desconforto, o que muitas vezes aumenta a mordida e a mastigação. Se o seu cão morde sempre no mesmo local do corpo, examine cuidadosamente essa área em busca de sinais de lesão ou infecção. Se você suspeitar de alguma anormalidade, marque uma consulta com seu veterinário para um exame completo e tratamento adequado.

Pele seca

Às vezes, a origem da mordida é tão simples quanto pele seca e escamosa. Os cães precisam de um suprimento saudável de ácidos graxos em suas dietas para manter pêlos e pele saudáveis. Cães com falta de ácidos graxos, especialmente ômega 3 e 6, costumam apresentar pia seca, escamosa e coceira. Considere adicionar suplementos de ômega 3 e 6 na forma de óleo de peixe ou semente de linho para melhorar a condição da pele do seu cão.


Assista o vídeo: COMO FAZER O CACHORRO PARAR DE MORDER (Junho 2021).