Em geral

Os cães podem cheirar o caminho de casa?

Os cães podem cheirar o caminho de casa?

Lassie pode fazer muito mais com o nariz do que equilibrar um biscoito e rastrear o cheiro do gato do vizinho. Enquanto isso, algumas teorias sugerem que os cães também podem usar táticas diferentes.

Dispositivos poderosos

Abençoado com 300 milhões de receptores olfativos e um olfato 40 vezes maior que o de um humano, não é surpresa que os cães confiem tanto em seus poderosos farejadores. Para fazer uma comparação justa, assim como você pode detectar uma colher de chá de açúcar em uma xícara de café, seu cão pode detectar uma colher de chá de açúcar em um milhão de galões de água, explica Alexandra Horowitz em seu livro "Inside of a Dog".

Marcas de cheiro

Como se o nariz de Lassie não fosse impressionante o suficiente, as tarefas que ela consegue realizar usando suas habilidades olfativas são realmente surpreendentes. Os cães são conhecidos por serem capazes de detectar drogas, explosivos e até mesmo pessoas desaparecidas enterradas sob vários metros de neve. De maneira semelhante, Lassie pode colocar seu nariz para trabalhar ao navegar em terreno desconhecido, seguindo trilhas de cheiros que ela se lembra de seu passeio para longe de casa.

Mapas Mentais

Um cachorro pode contar com um mapa espacial mental para navegar até sua casa. Essa teoria pressupõe que os cães desenham seus próprios mapas mentais de seu ambiente usando memórias de odores familiares e pontos de referência visuais como referências. É como se eles tivessem um GPS embutido e soubessem precisamente onde estão no espaço e no tempo, explica o comportamentalista animal Nicholas Dodman. Essa teoria não explica totalmente como alguns cães são capazes de encontrar o caminho de casa de longe usando rotas que nunca usaram antes.

Tração magnética

Quando as informações dos sentidos não estão disponíveis e faltam pontos de referência familiares, os cães podem utilizar métodos mais sofisticados para encontrar o caminho de casa. O biólogo Rupert Sheldrake sugere que o cérebro de um cão funciona como um depósito de memórias e associações que derrotam o espaço e o tempo. Depois de realizar vários experimentos de campo usando um cão dotado de habilidade de navegação, Sheldrake chegou à conclusão de que a sensação de lar deve exercer algum tipo de atração que faça com que um cão procure até encontrar seu caminho.

PSI Trailing

Às vezes, os laços entre o cão e o dono são tão fortes que o desejo de um cão perdido de se reunir ao dono pode fazer com que o cão opere de maneiras que vão além das explicações lógicas. Você pode chamá-lo de conexão psíquica ou sexto sentido. O parapsicólogo Joseph B. Rhine, da Duke University, prefere chamá-lo de trilha PSI. Embora ele tenha conduzido muitos experimentos que validam o rastreamento de PSI como uma possível explicação para o instinto de homing de um animal de estimação a grandes distâncias, até agora, o rastreamento de PSI ainda permanece um mistério.

Combinação de Métodos

Embora o nariz de um cachorro possa definitivamente desempenhar um papel em encontrar o caminho de volta para casa, o instinto de um cachorro para voltar para casa permanece um mistério para os cientistas. Muito provavelmente, Lassie volta para casa engajando-se em uma combinação de táticas que a ajudam a ter sucesso. Os cães podem basicamente fazer tudo o que podem para se reunir com seus mestres, incluindo usar seus poderosos farejadores, confiar em marcos familiares e talvez usar um sexto sentido desconhecido pela ciência. Um fato é certo, porém, quando Lassie quer ir para casa, ela pode fazer o inexplicável.


Assista o vídeo: Onça Pintada Ataca Cachorro, que Susto desse Viralata. (Junho 2021).